Resenha – Sniper Americano

s2

Um dos concorrentes ao Oscar 2015 é Sniper Americano. O filme já me cativou pelo trailer e me ganhou por completo assim que acabou. Além de se tratar de uma história real, o que faz com que tudo se torne mais interessante, a atuação do Bradley Cooper foi incrível, fez com que eu me conectasse com o personagem e sentisse intensamente as emoções pelas quais ele estava passando nas cenas. Cada momento de tensão que acabava eu percebia que voltava a respirar junto com ele e isso foi incrível.

Por ser um filme de ação eu imaginei que não fosse achar tão interessante mas a parte dramática do enredo fez com que eu me encantasse na hora. Chris Kyle era um cawboy Texano que aprendeu a atirar na infância ao lado de seu pai, com 11 anos. Sem ver futuro algum como cowboy e após o 11 de sembro, resolve lutar pelo seu país, algo que fez pensando em toda a educação que teve perante seu pai. Assim que entra para as Forças Especiais da Marinha Americana, sai para comemorar com seus amigos e conhece Taya (Sienna Miller) no bar, sua futura noiva, mulher e mãe de seus filhos.

Logo no casamento recebe a notícia que teria que partir em alguns dias para o Iraque, atuando como sniper e protegendo os soldados americanos. Nessa primeira missão supreende a todos e logo recebe, merecidamente, o reconhecimento de “mito” dentre os soldados.

O lado heroico da trama toda é realmente interessante porém o que mais cativa e fez com que Bradley concorresse ao prêmio é o lado psicológico do sniper. Alguém que mata mais de 150 pessoas em guerra fica abalado e se recuperar não é uma tarefa simples. A batalha interna que Chris Kyle enfrentou durante a sua vida foi maior do que qualquer guerra que ele tenha atuado.

Veja o trailer:


Recomendo a todos que confiram o filme, acima de tudo pela atuação incrível do Bradley!

Giovanna

Anúncios

Resenha – In your eyes

f1

Lá vou eu, viciada em um filme de fuga na madrugada de insônia, trazer mais uma resenha de algum filme incrível encontrado perdido pela internet. O filme da vez é o In your eyes (não sei se têm versão em português).

f7

Para começar, o elenco do filme não é um dos mais hollywoodianos, porém é muito bom e surpreende na atuação. Conta com a presença de Zoe Kazan, uma atriz maravilhosa que já atuou em diversos filmes, inclusive protagonizou What If? com Daniel Radcliffe. A atriz contracena com Michael Stahl-David, um ator de Chicago que já fez várias ‘pontas’ em outros filmes e séries, como Law & Order.

f6

Bom, a história se passa com este jovem casal onde ela, a jovem garota que se casou com o médico rico, em Connecticut, possui uma conexão, desde a infância, com ele, um ex-presidiário do Novo México, tentando entrar na linha. O casal nunca se viu, porém eles estão ligados por algo inexplicável e podem enxergar o mundo pelos olhos de outro alguém. Basicamente, os dois podem ouvir, ver e sentir através do outro  e passam a criar essa amizade e mostrar o mundo que se passa diante dos seus olhos.

f4

O filme conta com cenas incríveis e um final de emocionar. Essa ficção romântica ganhou meu coração!

Precisava compartilhar esse filme com vocês! Sério, eu já assisti três vezes só essa semana ❤ têm algum filme para recomendar? Comentem aí!

Giovanna

Resenha – Cidades de Papel

cidades-de-papel-DESTAQ

Oi Meninas, Tudo bem ?

Eu amo ler livros e por isso trago pra vocês a resenha do Cidades de Papel. É um dos livros do John Green ( todos devem conhecer ele do livro e filme A Culpa das Estrelas) e eu escolhi justamente este livro pois ele também será um filme.

Para quem não tem ideia do que estou falando aqui vai uma resenha: Cidades de Papel conta a história de um adolescente, o Quentin, que é vizinho de porta da Margo Roth, antiga amizade da infância que se perde com o decorrer dos anos. Margo ficou popular, criou novas amizades e Quentin também, apesar dele nunca ter esquecido dela.

Entretanto, numa certa noite, Margo aparece em seu quarto e avisa que precisa da sua ajuda para completar uma lista de tarefas durante a noite e sem escolha, Quentin a ajuda. No dia seguinte, Margo havia desaparecido e isso se estende por dias até que Quentin decide descobrir o seu paradeiro.

O livro é super gostoso de ler, vai rapidinho. Mas o que me chamou mais atenção na hora de escolher Cidades de Papel foi a escolha da atriz para o papel de Margo: Cara Delevingne. Além de ser uma ótima modelo, eu adoro a personalidade dela e fiquei super curiosa para ver esse seu lado de atriz.

1379966010CARA_DELEVINGNE_2

O elenco contem Nat Wolff (que ficou famoso pela banda The Nick Brothers Band na Nickelodeon e participou do filme A Culpa das Estrelas), Austin Abrams que fará o Ben, Jaz Sinclair que será a Angela e Halston Sage que será a Lacey.

O filme, infelizmente, só será lançado em junho de 2015. Porém, Cidades de Papel já está em produção e é possível ver fotos dos bastidores no instagram dos atores (jaz_sinclair, standup4justice, natandalex e caradelevingne) e do John Green ( johngreenwritesbooks).

download

O que você acham desse filme? Vai ser sucesso como outros do John Green ou não?

Bjss

Marcela